Mundão Gospel

User Login

Ex-paquito da Xuxa vira evangélico e missionário na África - ‘Conclamo aos anti-Feliciano a promover um beijaço, ... gritar: fora mensaleiros!’, desafia jornalista do SBT -Powerful 'End It' Video: Sex Slaves in Atlanta Shock - Danilo Gentili para Marco Feliciano:`O Sr. não está sendo espantalho do governo?' - Luana Piovani confirma que é evangélica e fala sobre o casamento - Ex-BBB, Natália Nara, vira pastora e se arrepende de ter posado nua para a Playboy - Tudo sobre os Illuminati [infográfico] Estas e outras notícias no Mundão Gospel.com
On sábado, 20 de abril de 2013 0 comentários

(Photo: End It Movement video)
The End O Movimento, uma coalizão de organizações que lutam para acabar com a escravidão humana, liderada pelo Pastor Louie Giglio of Passion City Church, em Atlanta, postou um novo vídeo mostrando um poderoso grupo de escravas sexuais a ser conduzido em torno de um ônibus transparente, levando a reações chocadas de espectadores.

"Estamos aqui para brilhar uma luz sobre a escravidão. Nada mais escravidão. Sem mais o tráfico sexual. Sem mais crianças trabalhadoras. No mais, a partir de agora," a extremidade que o movimento diz. "A escravidão ainda existe. Queremos que cada homem, mulher e criança a saber que existem 27 milhões de homens, mulheres e crianças, assim como eles, que vivem nas sombras, trabalhando como escravos, em 161 países, incluindo o nosso."
O vídeo começa com uma cena em que uma mulher é raptada por um homem e jogado na traseira de um caminhão, onde ela se encontra, entre outras mulheres capturadas. O caminhão afasta pelo campo, mas uma vez que ele entra em uma cidade, suas paredes, de repente tornar-se transparente. Espectadores Disturbed notar as mulheres, ferido e indefeso, olhando para eles através das janelas de vidro.
Um homem posando como um dos seqüestradores grita com os cativos, como as pessoas a ver o caminhão reagir com incredulidade, choque e confusão.
"Todos os anos, as mulheres são traficadas para grandes eventos esportivos a serem vendidas como escravas sexuais", diz o lateral do motorista de caminhão pela cidade.
Enquanto o caminhão com as escravas sexuais é uma reencenação encenada, as respostas dos espectadores são reais - o movimento diz que o filme foi filmado "em um evento esportivo nacional em Atlanta, Geórgia, no fim de semana de 06 de abril."
The End O Movimento realizou sua "Shine a Light on Slavery" dia 09 de abril, onde dezenas de milhares de pessoas em toda a América participou marcando ou usar o simbólico vermelho X, o logotipo do grupo, e outros encorajados a descobrir mais sobre o tráfico de seres humanos eo que eles podem fazer para ajudar.
"Então as pessoas têm que perguntar -" o que é isso? ' Nesse ponto, nós, como uma nação pode elevar a nossa voz em honra dos 27 milhões escravos. A esperança do movimento [é] para que todos saibam. Indiferença não é uma opção ", Masi Willis, gerente de projeto do Fim O Movimento, anteriormente compartilhado com o The Christian Post.
O vídeo termina com a pergunta: "Se você pudesse vê-lo, você poderia acabar com ela?"

Fonte: Christian Post



On 0 comentários

Alexandre Canhoni, ex-Paquito da Xuxa, revelou em entrevista ao Agora é Tarde, da Band, que virou evangélico e hoje é missionário na África.

(Foto: Reprodução/Arquivo pessoal)
Há 11 anos, Alexandre está no Níger, no Norte da África, país com um dos piores índices de desenvolvimento humano.
Lá, ele ajuda cerca de 2 mil crianças e adolescentes. Ele ainda revelou na entrevista que quando era Paquito não gostava de trabalhar com crianças e hoje tem 15 filhos adotivos.
Segundo Alexandre, Níger é caracterizado por uma grande pobreza. Contudo, há também pessoas muito ricas no país que vivem da exploração de urânio e petróleo.
O abismo entre ricos e pobres, diz ele, é muito grande e os empregos são raríssimos.
O ex-paquito se converteu a Jesus há 18 anos, quando estava para fechar um contrato.


Após conhecer a Bíblia ele afirma que sentiu o desejo de ajudar as pessoas dando o que comer e beber.
Alexandre trabalha juntamente com sua esposa Giovana Canhoni. Ambos fazem parte do “Ministério Guerreiros de Deus”.
Seu ministério Guerreiros de Deus é uma ONG aberta à todos que queiram ajudar a população em dificuldade. Além de ajudar à população com nutrição e formação ele oferece leitura de mensagens bíblicas.
Os missionários cristãos são constantemente alvos de ataques e ameaças, visto que Níger é um país muçulmano (80%, segundo a CIA).
“Chegaram a apedrejar nossa casa”.

Fonte: The Christian Post

On 0 comentários

Rachel Sheherazade lembrou que nenhum movimento se manifestou contra os deputados condenados pelo crime do mensalão.

A jornalista âncora do jornal ‘SBT Brasil’, Rachel Sheherazade, conhecida por protagonizar comentários críticos com argumentos contundentes, usou a bancada do telejornal para argumentar sobre a falta de protestos contra os deputados condenados pelo crime do Mensalão, assim como realizado pelos evangélicos no último dia 17 de abril. A jornalista desafiou os ativistas, artistas, e demais manifestantes anti-Feliciano, a promoverem um beijaço, entre outras formas de protesto contra os mensaleiros.

Facebook/Rachel Sheherazade
Jornalista Rachel Sheherazade conhecida
pelos comentários sobre temas polêmicos
Rachel destacou que enquanto manifestações pedem a renúncia do deputado Feliciano da Comissão de Direitos Humanos (CDHM), os deputados petistas, condenados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no crime do mensalão, José Genoíno e João Paulo Cunha, continuam atuando na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça). “Enquanto os holofotes miram Feliciano os mensaleiros José Genoíno e João Paulo Cunha continua em cena atuando tranquilamente na CCJ e tomaram posse faz tempo”, destaca.
A jornalista lembrou que nenhum movimento social se manifestou para protestar contra os deputados mensaleiros que foram condenados em um dos maiores casos de corrupção do Brasil. “Até ontem nenhum protesto, nenhum bate boca, nenhuma passeata, nenhum beijaço de artistas. E finalmente alguma objeção hoje é dos evangélicos. E onde estão ativistas dos direitos humanos? Poderiam ter engrossado o couro dos descontentes contra a bancada do mensaleiros”.
Rachel convocou os protestos contra os mensaleiros e lembrou da proposta de Feliciano, que quando pressionado pelos parlamentares da oposição, além dos protestos, disse que até renunciaria, desde que os deputados Genuíno e João Paulo deixassem a CCJ. “Eu conclamo agora os apaixonados ativistas anti-Feliciano a promover também um beijaço, a fazer um barraco, pintar cara e gritar bem auto: fora mensaleiros! Vocês não representam o Brasil. O Pastor Feliciano já prometeu que se o mensaleiros renunciarem, ele pede pra sair. É ou não é um bom negócio?”

Fonte: The Christian Post

On sexta-feira, 29 de março de 2013 0 comentários

Na noite desta quinta-feira, o deputado pastor Marco Feliciano foi entrevistado pelo apresentador Danilo Gentili. O apresentador do programa ‘Agora é Tarde’, transmitido pela Bandeirantes, destacou o fato de Marco Feliciano estar sendo foco da mídia e do governo, enquanto condenados do STF são apontados para assumir comissões mais importantes.

(Foto:Divulgação/Band)
Marco Feliciano em entrevista ao programa Agora é Tarde.
Danilo Gentili citou o fato de Genoíno entrar para uma comissão de importância – Comissão de Constituição e Justiça – e questionou se Feliciano não se sente "tonto" ou “espantalho de governo” por chamar a atenção uma comissão irrelevante.
“A população começa a acordar neste momento, depois de passar o olho do furacão, depois de ter sido espancado, quase linchado publicamente, detalhe, linchado por um público que não me conhecia, e as pessoas que me conhecem e me respeitam sabem que tudo isso que foi feito e falado acerca da minha pessoa não procede”, declarou o deputado.
Marco Feliciano também esclareceu como entrou para presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM), dizendo que não desejava ou lutou por esse cargo. Ele destacou que a questão foi partidária, “a que sobrou” para o Partido Social Cristão (PSC).
Relacionado
Marco Feliciano seguiu falando sobre a força do movimento LGBT. O pastor explicou a confusão com seus comentários no Twitter mal interpretados, justificando que é uma linha teológica. Danilo Gentili desafiou o deputado, dizendo que conhece a Bíblia e que esta declaração não está escrita em nenhum lugar.
O deputado também falou sobre o trabalho que tem feito e que Direitos Humanos não são o que as pessoas pensam. “Essa comissão era secundária até a minha chegada, (...) a imprensa toda pela primeira vez, pelo menos assistiram uma audiência pública falando sobre direitos humanos”, afirmou.

Mostrando um trecho de uma pregação do pastor Feliciano sobre homossexualidade, Danilo citou o estereótipo de cristãos tradicionais e Marco Feliciano respondeu que ele está atrasado no tempo. Na sequência, mais vídeos de cultos pentecostais foram mostrados, onde cristãos são expostos de uma maneira indevida.
“É constrangedor para mim, para uma pessoa de família, um pai que tem suas crianças, a sociedade brasileira por mais que se diga progressista, não está preparada para isso”, responde sobre qual o problema de duas pessoas do mesmo sexo se beijar publicamente.
“Eu amaria, a gente morre por um filho. A opção dele, a escolha dele, é o íntimo dele”, fala sobre o que faria se descobrisse que um filho seu é homossexual.
Ao ser abordado sobre a questão de dízimos e ofertas por Danilo Gentili, ele afirma que seus pastores não recebem salário. Ele desabafou ainda sobre a cobertura da mídia sobre o assunto e que há um preconceito na sociedade brasileira.

Reprodução YouTube
Entrevista do deputado pastor Marco Feliciano a Danilo Gentili no programa Agora é Tarde, que foi ao ar na quinta-feira, 28 de março.
 
Fonte: The Christian Post

On terça-feira, 12 de março de 2013 0 comentários


ex-BBB, Natália Nara, revelou grande mudança de vida depois de se converter a Cristo. A modelo virou pastora na igreja Bola de Neve e chora sempre que lembra de seu ensaio nu para a Playboy.

(Foto: Divulgação)
Ex-BBB e atual pastora, Natália Nara.
“Ela não quer mais saber de ‘BBB’, mas o que ela mais lamenta é o fato de ter posado nua. Ela chora só de lembrar. Esse programa só fez mal a ela e atrapalhou os estudos”, contou dona Neide, mãe da modelo, segundo o Extra.
Natália enfrentou uma infância difícil pelas constantes brigas entre seu pai e sua mãe, como revelou em seu testemunho. Depois do divórcio dos dois, ela conta que teve que batalhar para melhorar o seu lado financeiro.
“Eu tinha 17, quase 18 anos, e fiquei desesperada, sem saber o que seria da minha vida, precisava trabalhar.”
Natália trabalhou como modelo, em loja de perfume, em um canal de televisão e com publicidade. Ela foi modelo para a estátua da Índia Iracema e depois foi selecionada para participar do Big Brother, de onde conseguiu seu último trabalho bastante rentável como modelo da revista masculina Playboy.

 Depois de sair do BBB, em 2005, e aceitou posar para a Playboy, ela conheceu uma empresária cristã que a evangelizou e a ajudou em sua caminhada para Deus.

A modelo se converteu depois de que a revista já estava nas bancas e, segundo ela diz em seu testemunho, ficou um mês em sua casa sem quase sair por remorso.
“Mas eu só queria Jesus! Jesus! Jesus! Ia à igreja na terça, quinta, sexta, sábado e domingo. Quando me dei conta da revista, da besteira que tinha feito, passei um mês em casa, de pijama, sem querer sair, fazer nada, morando num apartamento no Rio, carro na garagem, convites para melhores baladas, roupas que ganhava de lojas e dinheiro na conta, só dormia quando via a luz do sol, de tanto remorso.”
Natália depois começou a frequentar a Igreja Bola de Neve no Rio de Janeiro (desde 2007), quando foi para lá estudar Artes Cênicas. Foi, então, que ela fez a escolha definitiva entre as coisas que o mundo lhe oferecia e Deus, visto que ela já havia aceitado a Jesus aos 19 anos.
“Muitos trabalhos apareciam, e eu com o tempo fui discernindo o que não glorificava o nome do Senhor, recusando tudo aquilo que me fazia ficar longe Dele.”
“(...) Porque eu havia me tornado propriedade exclusiva do Senhor Jesus, e Ele é o Senhor do tempo, das oportunidades e das circunstâncias, não há nada nesse mundo que não esteja debaixo do controle de Deus.”
“A vontade dele se tornou soberana na minha vida, embora meus amigos não entendessem, embora minha família, que apostou todas as suas fichas em minha carreira, achassem que eu fiquei louca, é Deus que diz quem eu sou.”
Hoje a pastora está terminando sua faculdade de jornalismo e mora atualmente em São Paulo, onde ela se dedica à pastoral da igreja, onde também apresenta um programa de notícias. Em julho, a modelo se casou com um membro da igreja.
Fonte: The Christian Post

On 0 comentários


Nessa última segunda-feira, a atriz Luana Piovani concedeu uma entrevista em que afirma ser evangélica. No ar atualmente na novela global ‘Guerra dos Sexos’, ela falou também sobre casamento e carreira. Essa não é a primeira declaração da atriz global sobre sua religião.

(Foto:Divulgação/Globo)
Atriz global Luana Piovani, atualmente no ar em Guerra dos Sexos.
A entrevista foi dada a coluna ‘Direto da Fonte’, do jornal O Estado de São Paulo. Entre os tópicos questionados a atriz declarou que é evangélica e que pretende se casar em julho. "Sou evangélica e o Pedro é católico, então estamos decidindo se vamos pedir para alguém dar uma bênção”, disse Luana Piovani. A cerimônia será celebrada na Casa das Canoas, no Rio de Janeiro. Ela tem um relacionamento com o surfista Pedro Scooby.
Luana defendeu o envelhecimento natural. “Acho uma loucura a mulher ter 60 anos e querer ter cara de 40”, falou. Sobre plásticas ela disse que ainda “não chegou a hora”, mas que pensa nessa hipótese. “Não tenho o menor problema com plástica e comecei a pensar em silicone”, declarou.
Fora das novelas desde 1999, ela falou ainda sobre sua admiração pela atriz Irene Ravache. Na última novela que havia atuado, Luana Piovani já havia contracenado com Irene. “E faço o braço direito da Irene Ravache, minha musa inspiradora. Minha última novela, 'Suave Veneno', interpretava a filha dela. Tinha 21 anos e, desde então, sou devota de Nossa Senhora de Irene Ravache”, ressaltou.
Luana Piovani, 36 anos, começou a carreira nas novelas em 1995, em Quatro por Quatro. Em 1996, ela despontou como apresentadora em vários quadros do programa Fantástico, também da Rede Globo. A atriz já foi eleita pela revista VIP como a mulher mais sexy do mundo.
No teatro é frequente ver Luana atuando em peças infantis como ‘Alice no País das Maravilhas’, ‘Pequeno Príncipe’ e ‘Sítio do Pica-pau Amarelo’. No cinema ganhou destaque com ‘Mulher Invisível’ e ‘O Homem que Copiava’.

Em agosto de 2012, ela já tinha se declarado evangélica em uma entrevista para o jornal Folha de São Paulo.

Fonte: The Christian Post

On sexta-feira, 8 de março de 2013 0 comentários

Eles estão mesmo no controle do mundo e são os responsáveis pela Nova Ordem Mundial? Entenda a origem deste fenômeno.

Clique na imagem para ampliá-la

Illuminatis. Você pode até duvidar da existência deles, mas o fato é que a internet está cheia de referências a uma suposta sociedade secreta que controla todos os nossos passos, utilizando todas as formas de dominação possíveis. Para muitos, tudo isso não passa de uma lenda. Já para outros, “abrir os olhos” e enxergar a “verdade” é apenas o primeiro passo para fugir do controle.
Controvérsias à parte, talvez você não saiba qual é a real origem dos Illuminati. Eles de fato existiram no século XVIII e, teoricamente, deixaram de existir anos depois. Transformados em outros grupos e ganhando novas ramificações, eles chegaram com força ao nosso século e hoje estão mais vivos do que nunca na literatura, na internet e, é claro, na cabeça de muita de gente.

A origem dos Illuminatis

A sociedade secreta dos Illuminati foi fundada em 1 de maio de 1776, na Baviera. O termo, que em tradução direta significa “iluminados”, dizia respeito a um grupo de pessoas que compartilhavam os ideais do movimento iluminista, em voga na Europa naquele período. Na época, os membros da sociedade tinham como objetivo divulgar o “livre pensamento”, questionando dogmas impostos em especial pela Igreja Católica.
Entretanto, oito anos após a sua fundação, o governo da Baviera, atual Alemanha, promoveu uma verdadeira caça aos grupos secretos. O grupo dos Illuminatis reunia muitas pessoas influentes e que, invariavelmente, tinham um posicionamento político contrário ao sistema vigente na época.
Entre os Illuminatis havia também muitos maçons e o seu sistema hierárquico era bastante similar aos graus adotados pela Maçonaria. A caça às sociedades secretas fez com que o grupo – que tinha cerca de 2 mil pessoas – se fragmentasse e brigas internas levaram ao fim dos Illuminati em 1788. Entretanto, o ideal permaneceria registrado na história.

Fonte da imagem: Reprodução/Espada


A era das sociedades secretas

Em 1798 o escritor Augustin Barruel, no livro “Memórias Ilustrativas da história do Jacobinismo”, revelou uma teoria bastante convincente envolvendo Cavaleiros Templários, Rosacruzes, Jacobinos e Illuminatis. Assim como os livros de Dan Brown na atualidade, a obra fez muito sucesso e muitos tomaram como verdade absoluta tudo o que era descrito na tese de Barruel.
A obra dele gerou outros livros similares e uma das publicações mais famosas e bem-sucedidas da época foi escrita por John Robinson, um maçom escocês professor de História Natural. No livro “Provas de uma conspiração contra todas as religiões e governos da Europa”, o autor afirmava que os Illuminati tinham como objetivo criar um governo mundial único. A teoria foi aceita por muitos e até hoje seus ideais prevalecem.

As novas sociedades



Embora a sociedade secreta dos Illuminatis original tenha deixado de existir, o ideal permaneceu e os seus conceitos deram origem a outras sociedades secretas. Nos Estados Unidos, um grupo chamado Skull and Bones (Caveira e Ossos) foi criado em 1832, supostamente com o mesmo objetivo de assumir o controle do mundo. Há hipóteses de ligações do grupo com a CIA, com o FBI, a Maçonaria e os Bilderbergers.
Outro grupo associado aos Illuminatis com frequência é o chamado Clube de Bilderberg. Esse último, de fato, existe e reúne cerca de cem personalidades mundiais, entre empresários e celebridades. Esse grupo, cuja lista muda todos os anos, se reúne uma vez por ano em um hotel de luxo de alguma parte do mundo para debater assuntos sigilosos.
Há quem diga que nessas reuniões eles traçam planos de dominação mundial. Entre os nomes que participam desse grupo podemos destacar Donald Runsfeld, ex-secretário de Defesa dos EUA, e Peter Sutherland, presidente do banco Goldman Sachs e da British Petroleum, duas das maiores companhias do mundo.

Símbolos secretos e celebridades


“O olho que tudo vê” e uma pirâmide são os principais símbolos dos Illuminati. Esses símbolos são bastante comuns de serem encontrados e até mesmo reproduzidos, mas basta que um deles surja para que de imediato apareçam as teorias da conspiração em torno deles. Segundo alguns especialistas, a Estátua da Liberdade, em Nova York, seria um símbolo Illuminati, contendo algumas salas secretas.
A pirâmide do hotel Luxor, em Las Vegas, seria outro monumento em homenagem à sociedade secreta. Nem mesmo as celebridades escapam das associações de envolvimento com o grupo. Barack Obama, Beyoncé, Bono Vox, Lady Gaga e até mesmo Cristiano Ronaldo são alguns dos “acusados” de pertencer ao grupo. Entretanto, nada foi confirmado até hoje.

Mito ou verdade

Entre os grandes mistérios modernos da humanidade, a existência dos Illuminati talvez seja um dos mais populares da atualidade. Eles de fato existem? Não é possível afirmar. Entretanto, duvidar da existência deles é exatamente o que eles esperam, podendo com isso se aproveitar da nossa fraqueza.
O ideal Illuminati teria sobrevivido aos últimos séculos e chegado intacto aos nossos dias atuais ou o que existe hoje é apenas uma ilusão criada por alguns conspiradores? A escolha de acreditar ou não na existência deles é sua. 

On 0 comentários


O goleiro Bruno Fernandes de Souza, enfrentou, nesta segunda-feira, seu primeiro dia dejulgamento no Fórum de Contagem (MG). O acusado pela morte de Eliza Samudio, surpreendeu a muitos com a Bíblia nas mãos e indo às lágrimas.

Durante o plenário, Bruno ficou com uma Bíblia nas mãos, onde lia passagens apontadas por um dos seus advogados. O acusado começou a chorar e recebeu um lenço de um deles para enxugar as lágrimas.
"Hoje está muito difícil segurar, ele está muito desesperado", disse a atual mulher de Bruno, Ingrid Calheiros, segundo o Terra.
A atual noiva de Bruno é cristã e tem aparentemente influenciado a conduta mais religiosa do ex-goleiro. Durante o período em que ficou preso no Presídio Nelson Hungria, em Contagem, Bruno também começou a participar de cultos evangélicos.
No ano passado, Bruno participaria de um evento de batismo nas águas da igreja da prisão, mas o batismo não foi confirmado. Ingrid chegou a comemorar através do seu Facebook o feito. 
O ex-goleiro e a sua noiva passaram a orar juntos antes do início dos julgamentos passados.

“Visitei ele (Bruno) ontem (domingo), oramos muito e lemos a Bíblia. Se a justiça for feita, o Bruno vai ser absolvido. Não sei o que aconteceu com essa moça (Eliza). Jamais ficaria ao lado de um homem que fizesse tal coisa”, declarou a dentista anteriormente, segundo o Dia.
A fé de Bruno e seu contato com a Bíblia foram, porém, vistos com cautela e críticas por parte de alguns durante o julgamento.
"Foi um grande teatro, aquilo me irritou. É uma última forma de tentar convencer de que não tem culpa. Ele só vai conseguir isso o dia em que ele contar o que aconteceu realmente e mostrar onde está o corpo da minha filha", afirmou Sônia, mãe de Eliza.
O promotor também afirmou que foi um “teatro, assim como foi teatral a exposição do manuseio da Bíblia por Fernanda (Gomes de Castro) no julgamento passado”. Fernanda, ex-namorada de Bruno, foi acusada por participar no crime.
"Está claro para os jurados a dissimulação dele, inclusive no comportamento excessivamente humilde ao ingressar no plenário com a cabeça baixa, como se estivesse arrasado", acrescentou o promotor.
O ex-goleiro do Flamengo responde pelo crime de homicídio triplamente qualificado, sequestro, cárcere privado e ocultação do corpo da modelo.
Fonte: The Christian Post

On terça-feira, 5 de março de 2013 0 comentários

O jogador do Santos aparece na gravação da música 'Nasci pra Vencer' do grupo Ao Cubo.

Neymar é um dos destaques do clipe da banda de rap gospel Ao Cubo. Ele participou da gravação de "Nasci pra Vencer" ao lado de Thaíde e Priscila Alcantâra. Nas cenas, ele aparece bem descontraído, dançando e cantando a música com o grupo. Veja aqui. De acordo com o assessor de imprensa do grupo, o clipe foi realizado em 2011, mas só está sendo trabalhado neste ano.
Este não é o primeiro vídeo que Neymar participa. Ele já mostrou sua desenvoltura em frente às câmeras com Emicida e Alexandre Pires. Neste último, ele enfrentou uma polêmica e tanto. O clipe "Kong" - em que homens negros aparecem vestidos de gorilas - foi alvo de investigação da Procuradoria-Geral da República de Uberlândia (MG), onde mora Alexandre

Neymar com a banda (Foto: Video/Reprodução)

Neymar aparece em clipe de rap gospel (Foto: Video/Reprodução)

 Fonte: Ego.Globo

On segunda-feira, 4 de março de 2013 0 comentários

No último domingo, o pastor e líder da igreja Assembleia Vitória em Cristo, Silas Malafaia, advertiu à apresentadora Sabrina Sato sobre 'mostrar o seu corpo', em uma entrevista ao programa Pânico na TV, da Band.

Foto: You Tube
Com a ironia que é peculiar das edições do programa, Sabrina brincou com o pastor mostrando o seu look de "comportada" e pediu a sua opinião. Sabrina quis saber o que é "coisa má".
"É tudo aquilo que não vai contribuir para o bem estar do ser humano", respondeu o polêmico pastor. "Você pode até fazer o mal, mas aqui você está fazendo o bem".
Sabrina perguntou se o mal está nos olhos de quem vê.
“A maldade também está em quem está mostrando que tem. A pessoa não pode usar o seu corpo como instrumento de pecado”, continuou Malafaia. “Biblicamente falando, o cara que está cobiçando ela, está pecando e ela que está sendo instrumento da cobiça também”, disse.

Malafaia falou também sobre homossexualismo, a revista Forbes, direito de expresão e outros assuntos.

Sobre a repercussão da entrevista que Malafaia concedeu ao programa De Frente com Gabi no início de fevereiro, ele disse “Fui criticado por alguns, elogiado por tantos (...). As pessoas acham que eu tenho que falar o que é politicamente correto. Eu não".
Na manhã desta segunda-feira, Malafaia publicou em seu site um comentário a respeito de sua participação no Pânico. “Não anunciei em lugar nenhum a minha participação no ‘Pânico’ para que alguns irmãos não dissessem que eu estava induzindo o povo de Deus a ver programa não apropriado. Porém, quero dizer uma coisa, eu só não prego no inferno porque não tem salvação para o diabo e os demônios. Mas onde me abrir uma oportunidade tenha a certeza que eu não esconderei minha fé e meus princípios.
"Não podemos estar enclausurados em quatro paredes do templo. Temos que ir onde estão os pecadores. Fiquei surpreso com a quantidade de pessoas não evangélicas que me deram razão e gostaram da entrevista.”
Confira a entrevista na íntegra.


Fonte: The Christian Post

 

On 1 comentários

Frente à grande repercussão gerada pela provável escolha do deputado Marco Feliciano (PSC-SP) como presidente da Comissão de Direitos Humanos e de Minorias, o pastor enfrenta oposição e críticas. Como resposta, Feliciano criou em seu site um abaixo-assinado que apóia sua candidatura.

Foto:
Antes mesmo da escolha do presidente da CDHM, que está marcada para a próxima terça-feira, dia 5, uma petição para a destituição do pastor foi criada. A petição conta com pouco mais de 42 mil assinaturas. Em contrapartida, o abaixo assinado para apoiá-lo como o futuro presidente da comissão, criado posteriormente, conta com mais de 53 mil assinaturas.
A Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT) publicou nota de protesto contra a indicação do pastor sob a alegação de que os comentários públicos tecidos pelo pastor vão contra os objetivos da Comissão de Direitos Humanos.
“Em mais de uma ocasião, [o deputado] teceu comentários depreciativos à população de lésbicas, gays bissexuais, travestis e transexuais, mostrando-se totalmente refratário ao reconhecimento dos direitos destas pessoas”, afirma a nota.
Ainda segundo a nota, a escolha de Feliciano como presidente da CDHM seria um retrocesso para os direitos dos homossexuais.
Em sua defesa, Marco Feliciano afirmou ao site IG que “não tem nada contra a comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros), sou contra seus ativistas”. “Como eu, como pastor, posso ser racista? Até em Angola tenho admiradores. Não tenho ódio contra gays. Sou um defensor da família, mas o que é feito entre quatro paredes é opção de cada um”, continuou.

Segundo ele, a movimentação em torno da petição contra a possível presidência é obra de ativistas gays, como o deputado Jean Wyllys (PSOL-SP). Wyllys é assumidamente homossexual e afirmou em sua página do Facebook que “o fato de Marco Feliciano estar na presidência da CDHM descaracteriza a comissão, mata sua essência e compromete sua história”.
O pastor afirmou ao site que não tinha vontade de assumir a presidência da comissão, mas que, diante de tantos ataques, ficou curioso. “O que tem lá de tão importante ou o que estão escondendo? A ponto de um pastor não ter direito de assumir esse cargo?” questionou.
“Se eu for presidente da comissão, vamos colocar em discussão até união estável entre casais do mesmo sexo”, prometeu o pastor. Ele, no entanto, já afirmou em publicações no Twitter que relações homossexuais levam “ao ódio, ao crime e à rejeição”.
Diante da polêmica, o Partido Social Cristão (PSC), cogita a indicação de outro nome para a presidência da CDHM, mas evita citar nomes para aumentar especulações.

Fonte: The Christian Post

 

On sexta-feira, 1 de março de 2013 0 comentários

Pastor diz que viral hoje é oportunidade de testemunho

Harlem Shake ganha diferentes versões “gospel”

O vídeo de 30 segundos da música “Harlem Shake” é a maior febre da internet em 2013. O que poucos sabem que o grito inicial da música “con los terroristas” é de um cantor evangélico.
O porto-riquenho Hector Delgado, ficou conhecido no mundo do entretenimento como o rapper Hector “El Pather”. Foi de um de seus discos antigos que o produtor nova-iorquino Harry Rodriguez (conhecido como Baauer) tirou a frase que permeia a música  eletrônica que viralizou e gerou centenas de versões no mundo todo.
A rede de TV Telemundo procurou Hector Delgado para saber qual sua participação na música e se ele havia recebido parte dos lucros. Ele esclareceu que a frase foi usada sem o seu consentimento. Ele aproveitou a oportunidade para dar seu testemunho: “Deixo isso para os advogados. Eu entendo que isso pode ser uma maneira que Deus está agindo, Ele permitiu que isso aconteça para que as pessoas saibam que o homem que já foi chamado de Hector ‘El Father’ hoje é o pastor Hector Delgado, e que há cinco anos deixou tudo por causa de Jesus”.
Atualmente ele não está mais “con los terroristas”, mas finaliza as gravações de seu primeiro álbum de música gospel chamado “Cristo Y Sus Amigos”.
Paralelo a isso, o fenômeno da dancinha “sem noção” vem ganhando versões “gospel”, na maioria de grupos de jovens de igrejas que não resistiram e decidiram entrar na onda do viral.
Confira algumas delas:


E outros mais disponiveis no you tube
Fonte: Gospel Prime

On 0 comentários


A catarinense Bruna Tavaresex-bbb, se tornou Bacharel em Teologia e foi ser missionária na roça. Ela foi uma das participantes do BBB7. Concluiu em 2010 um seminário teológico e desde então exerce seu chamado em tempo integral. Ela prega pelo país inteiro com sua amiga e companheira de ministério Rhanúsia Borges Lara.

(Foto: Divulgação/Ministério Bruna Tavares e Rhanúsia)
Segundo o jornal Extra, desde agosto de 2012, Bruna e Rhanúsia residem em uma fazenda em Astolfo Dutra, município localizado no interior de Minas Gerais. “Estou apaixonada por esse lugar. Daqui eu não saio mais. Somos em cinco, eu, a Rhanúsia, a mãe dela, Cidinha, que agora é minha mãe também, e mais dois funcionários. Aprendi a ordenhar vaca, cuidar do gado, porcos, plantar milho”, disse Bruna ao jornal.
A ex-bbb revelou ainda que não ficou com o dinheiro que recebeu no BBB e por seus trabalhos como modelo. Hoje, ela vive com o que ganha de doações e da venda de seus livros, e não cobra para ministrar em igrejas.
Desde o início dessa semana, quando notícias recentes de Bruna foram veiculadas na mídia, o Facebook da pastora está repleto de mensagens de apoio. Ela possui livros de edificação com sua autoria e também escreve artigos no site do famoso movimento Eu Escolhi Esperar.
Bruna começou a frequentar uma igreja evangélica em fevereiro de 2006, mas sem assumir um compromisso cristão. Ela já havia enviado o vídeo para participar do programa duas vezes, e embora seus pastores a tenham aconselhado a desistir da ideia, ela fez um terceiro reenvio. Em 2007, participou do reality show Big Brother Brasil. Em 2010, concluiu o Seminário Teológico Batista e hoje trabalha com ministério em tempo integral.
Bruna ficou conhecida na edição por se envolver com o “vilão” Alberto Cowboy. Ela ficou em terceiro lugar na atração, após 83 dias de confinamento. Bruna foi também modelo da Agência Elite, uma das principais do país, e fez diversos ensaios sensuais, como para a Revista VIP e o site Paparazzo.

Pouco antes de sua conversão, Bruna terminou o relacionamento com Alberto Cowboy. Desde então ela disse que não se envolveu com mais ninguém. A ex-BBB afirma que sua decisão é esperar em Deus para se relacionar novamente.
“Sinto um carinho muito grande pelo Alberto, e sei que ele também sente por mim, mas acabamos perdendo o contato. A próxima vez que eu namorar, vai ser para casar”, reforçou.
Fonte: The Christian Post

On 0 comentários

(Foto: Divulgação/Felipe Castanho)

Recentemente, a “ex de Gusttavo Lima”, Veridiana Freitas chocou o país ao revelar que está frequentando uma igreja evangélica conciliando com trabalhos sensuais. A modelo recebeu diversas críticas depois disso, mas respondeu dizendo que não vai deixar de fazer o trabalho como modelopor causa da religião.

“Entrei na igreja para evoluir como ser humano, e não para seguir à risca o que falam”, disse ela, segundo o Extra.
“Vou continuar fazendo minhas fotos de modelo quando me chamarem, porque o que me envergonha é maltratar o próximo, matar, roubar e fazer mal as pessoas. Não será uma roupa comportada ou casar com um evangélico que definirá o meu caráter”, acrescentou.
Veridiana esteve em evidência no meio do ano passado ao se envolver com o cantor Gusttavo Lima, que por sua vez, negou seu envolvimento com ela. A modelo foi à imprensa para mostrar mensagens enviadas por ele e duvidou da sua masculinidade.
Depois de seu envolvimento, Veridiana ficou abalada com a exposição e decidiu sair do Rio de Janeiro e voltar para o Sul do Brasil. A modelo afirmou que perdeu muitas oportunidades por causa do cantor.
Em Balneário Camboriú, Veridiana supostamente encontrou paz na Igreja Embaixada. “Vou porque acho a oração muito forte e me auxilia em muitas coisas sobre vários conceitos da minha vida”, explica.

Ela afirma, entretanto, que não vai seguir à risca o que eles pregam e que é contra o preconceito homossexual. “Acho que devemos amar o ser humano independente de seu sexo”.
Atualmente solteira, Veridiana também começou a se dedicar aos estudos e está fazendo faculdade de moda. Acrescentando ao fato de frequentar à igreja, a modelo fala sobre uma grande mudança em vida.
“Entrei para faculdade de Moda e para a igreja evangélica, e mudei totalmente o foco da minha vida”, afirmou ela.
Fonte: The Christian Post

On 0 comentários


“Eu sou uma forma insuportável e arrogante de Jesus”, disse o vocalista da banda U2

Bono Vox, da banda U2, fez um discurso contra a pobreza durante evento realizado nos Estados Unidos. Em suas declarações, o astro de rock irlandês fez uma comparação entre Jesus e ele mesmo. Conhecido por defender causas sociais, o cantor já recebeu diversos prêmios.

Imagem da internet
“Eu sou uma forma insuportável e arrogante de Jesus”, disse Bono ao se comparar a Jesus. Em seu discurso, ele disse acreditar que a pobreza extrema em todo mundo poderá acabar até o ano de 2030, com o apoio de recursos tecnológicos. As declarações do músico foram feitas durante o congresso TED – Tecnologia, Entretenimento e Design. O evento acontece no sul da Califórnia.
A apresentação de Bono Vox teve duração de 18 minutos. Segundo informou o G1, o vocalista disse que com o apoio da tecnologia e dos avanços médicos, mais enfermos com AIDS recebem atendimento e as mortes causadas por malária têm diminuído. Ele ainda discursou que a taxa de pobreza continua alta, porém, se seguir no mesmo ritmo deve ser vencida nas próximas duas décadas.
Bono Vox é o nome artístico de Paul David Hewson, 52 anos. Ele é o vocalista principal da banda de rock irlandesa U2. Compositor da maioria das músicas, suas letras são marcadas por temas religiosos - onde várias canções trazem citações bíblicas -, sociais e políticos. Em 2010, durante uma turnê a banda surpreendeu ao tocar “Amazing Grace”, um dos hinos cristãos mais famosos.
O artista é conhecido por defender causas humanitárias e já foi um dos nomeados para o prêmio Nobel da Paz. Bono foi um dos primeiros agraciados com o Prêmio TED, no ano de 2005. O dinheiro do prêmio, 100 mil dólares, foi gasto com doações na luta contra a pobreza extrema.
Com início há 28 anos, a conferência TED reúne diversas personalidades, como cientistas, políticos, empresários e músicos. O objetivo é que os convidados especiais de cada edição falem por 18 minutos o seu propósito na vida.

Fonte: The Christian Post

On terça-feira, 26 de fevereiro de 2013 0 comentários

O cantor popular entre adolescentes do mundo todo, Justin Bieber, recomendou a leitura de um livro sobre Jesus nas suas redes sociais. Após sua indicação, o lançamento do livro foi antecipado e já entrou para lista dos mais vendidos nos Estados Unidos. O livro “Jesus Is: Find a New Way to Be Human” – “Jesus é: encontrando uma nova maneira de ser humano”, em português - foi escrito pelo pastor Judah Smith.

Imagem: Internet
Justin Bieber postou a foto de capa do livro no Instagram. A foto foi acompanhada do comentário: “Estou muito orgulhoso do meu pastor. Este livro sai no dia 26. Judah é o melhor pregador da nossa geração. Leia este livro e [você] não irá se arrepender”. O cantor possui mais de 6 milhões de seguidores no aplicativo de fotografia mais popular do mundo.
O lançamento já estava marcado para 26 de fevereiro. Porém, a grande procura fez com que a editora do livro, Thomas Nelson, antecipasse suas vendas. O livro está disponível na Amazon, maior livraria do mundo, desde a terça-feira da semana passada. O livro já está na lista dos mais vendidos do site da Amazon e do jornal The New York Times.
A sinopse pede que os leitores completem a frase “Jesus é ...” e pergunta “ Como você terminaria essa frase?”. O descritivo informa que o autor Judah Smith “preenche a frase novamente e de novo, cada vez mais revelando o caráter de Jesus. Ele escreve como se a um amigo, ilustrando a importância da mensagem de Cristo aos homens e mulheres modernos. Este é um livro para novos crentes, para os seguidores ao longo da vida, e para os meros curiosos”.
O pastor Judah Smith e sua esposa Chelsea, são os pastores principais de uma igreja em Seattle (EUA). A cidade tem a maior população do estado norte-americano de Washington. O pastor tem ministrado uma série se sermões com o tema do livro, com o objetivo de revelar o caráter de Jesus. No segundo semestre, já está marcado o lançamento de mais um livro do autor: “Amar como Jesus: Alcançando outros com paixão e propósito”. Ele tem aparecido em várias fotos e vídeos ao lado de Justin Bieber.

Fonte: The Christian Post

 

On sábado, 23 de fevereiro de 2013 0 comentários

Mulheres que foram vítimas de estupro agora poderão receber a “pílula do dia seguinte” na Alemanha, em hospitais administrados pelos católicos

A decisão foi tomada depois que instituições administradas pela Igreja, no fim de janeiro deste ano, se recusaram a prestar este tipo de atendimento a uma mulher que havia sido violentada.
O caso ocorreu na cidade de Colônia, na região oeste do país, gerou grande polêmica entre a população local e também repercutiu muito em diversas partes do mundo. Na época, a mulher procurou os hospitais após ter sido drogada e suspeitar ter sofrido um estupro.
De acordo com a Igreja Católica Alemã, os remédios com autorização de venda no país são apenas contraceptivos e, em casos de estupro, poderão ser utilizados para evitar uma gestação fruto de um ato de violência.
A instituição garantiu que, a partir de agora, os hospitais católicos irão proporcionar o tratamento médico, psicológico e emocional adequados nestes casos, incluindo a distribuição da pílula do dia seguinte.
Os religiosos ressaltam que esta medida deve ser tomada somente nos casos de violação e com o único intuito de prevenir. A igreja reforça que apesar desta aceitação, seguem proibidos quaisquer medicamentos ou procedimentos médicos que prejudiquem direta ou indiretamente o desenvolvimento da vida de um feto, mesmo em casos de estupro.

Além do aborto, a Igreja Católica ressalta ainda que segue totalmente contrária ao controle de natalidade, exceto nos casos de violência contra a mulher.
A decisão dos religiosos alemães foi tomada depois da realização da Assembleia-geral dos Bispos, que durou quatro dias e ocorreu na cidade de Trier.

Fonte: The Christian Post

 

On 0 comentários

 

Após a polêmica da retirada da petição pela “Não” cassação do registro de psicólogo do pastor Silas Malafaia, pela Avaaz, uma nova petição criada por ele já conseguiu mais de 200 mil assinaturas. A marca passa de longe a marca dos 100 mil que a petição contra ele no site da Avaaz almeja e ainda está em cerca de 77 mil.

A primeira petição em favor de Malafaia foi criada por um pastor do Rio Grande do Sul em resposta à uma petição criada por um ativista da causa LGBT, pedindo a cassação do registro de psicólogo do pastor no site da Avaaz, de abaixo-assinados.
Porém, quando a primeira petição a favor do pastor (65 mil) ultrapassou o número de assinaturas da petição contra ele (55 mil), a Avaaz a deletou de seu site no Brasil.
A retirada da petição em favor de Silas Malafaia causou enorme indignação do pastor, bem como de diversos representantes da sociedade brasileira que defendem os direitos de liberdade de expressão.
Em reação à atitude da Avaaz, o pastor Silas Malafaia criou a nova petição e afirmou que irá processar a organização bem como o seu presidente no Brasil, Pedro Abramovay. Para Malafaia, a ação foi uma “afronta à democracia”.
“[Abramovay] Vai ter que provar que sou homofóbico. Vou lascar esse cara", disse, segundo a Folha.

Em crítica a Abramovay e à Avaaz, o colunista da Veja, Reinaldo Azevedo, se pronunciou em seu blog. Azevedo apontou Abramovay como o ex-secretário nacional de Justiça que foi demitido pela presidente Dilma Rousseff por defender a não prisão de “pequenos traficantes”. Abramovay foi também aquele que defendeu a descriminalização do consumo de drogas. E então Azevedo conclui, “ele é o que dirige o site de petições, Avaaz”.
O colunista afirma que não concorda com algumas opiniões do pastor Malafaia, por exemplo, quanto a acreditar “que homossexuais possam ser reorientados”. Entretanto, assim como Silas Malafaia, ele defende “radicalmente” a liberdade de expressão.
Reinaldo e Malafaia são ambos críticos severos do conhecidado PLC 122, que visa criminalizar a homofobia. Segundo eles, a lei quer acabar com a homofobia em detrimento da liberdade de expressão e religiosa.
Para o colunista, a relação entre Abramovay e a petição a favor de Malafaia, mostra uma sociedade "totalitarista" e "antidemocrática”.
Ambas as petições devem ser entregues à presidenta do Conselho Federal de Psicologia do Rio de Janeiro, Vivian de Almeida Fraga.

Fonte: The Christian Post

 

On 0 comentários

O canal Rede 21 pertence ao grupo Bandeirantes, mas a emissora UHF é alugada para o apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus. O Ministério da Comunicação afirma que a empresa não tem cumprido a lei que determina que uma parte da programação seja utilizada para a transmissão de notícias.

O canal exibe 22 horas diárias de programação religiosa, e deve ser multado por não estar transmitindo programas jornalísticos. Pela lei brasileira há a exigência de que pelo menos 5% da grade de uma emissora pública deve ter programas voltados para notícias. Porém, o Ministério das Comunicações constatou que as diretrizes não estão sendo cumpridas. A multa recebida é de R$ 12.794,08.
A multa foi publicada no Diário Oficial da União na semana passada. A empresa se manifestou dizendo que cumpre com a lei e todas as determinações. Eles alegam que a Rede 21 apresenta todos os dias dois telejornais – com duração de meia hora cada um – e ainda um boletim de quinze minutos com o conteúdo produzido por outros canais do grupo Bandeirantes.
A Igreja Mundial do Poder de Deus arrenda o canal desde 2008. E neste período ocupa quase a totalidade da programação do canal com programas religiosos e transmissão ao vivo de seus cultos. A igreja também aluga horários no canal Band, onde apresenta programas com duração de mais de três horas nas madrugadas.
Há poucas semanas atrás, foram divulgados rumores de que a igreja estaria tentando comprar a Rede 21 e a emissora CNT. Recentemente, a igreja foi alvo de notícias nos grandes portais pela campanha de arrecadação “Tijolinho da obra de Deus”, onde 100 mil tijolinhos de plásticos eram vendidos a 200 reais cada para arrecadar fundos para a “obra de Deus”.
A igreja também aparece na mídia por campanhas como “A toalhinha milagrosa”, “Fronha dos Sonhos”, “Martelinho da justiça”, a colher de pedreiro “Prudente construtor”. Uma campanha igual a do tijolinho já tinha sido veiculada pela igreja em 2009.

Fonte: The Christian Post

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...